A  minha versão de alimentação saudável

Olá pessoal! A vida anda corrida demais, mas estou de volta. Resolvi escrever um post sobre o meu dia a dia, sobre como costumo montar a minha alimentação e como tenho conseguido manter meu corpo como sempre foi aos 40 anos de idade. Tenho 1,57 de altura, 57kgs e bem pouca gordura addominal (e olha que já tive um filho!).

Aniversario de 40

Alimentação saudável – dicas gerais

Primeiramente, eu pessoalmente não acredito em dietas ou na eliminação de um grupo determinado grupo de alimentos por completo. Acredito em moderação e em pequenas porções espalhadas pelo dia.

Quanto mais leio e vejo documentários, mais me convenço de que o açúcar é o maior vilão e inimigo de uma alimentação saudável e deve ser evitado. Eu tomo café e chá sem açúcar e quando faço alguma sobremesa, tento usar xilitol (um substituto do açúcar que possui baixo índice glicêmico e com gosto agradável) e um pouco de mel. Evito comprar alimentos que já contém açúcar e processados em geral.

Evito sucos, pois mesmo os naturais possuem uma grande quantidade de açúcar e são pobres em fibras. Refrigerantes nem compramos, pois são totalmente vazios em termos de nutrientes saudáveis. Tomamos água mesmo!

Tento usar óleo de coco ao cozinhar e quase nunca faço frituras. Também uso batata doce no lugar da batata comum e adiciono sementes como chia, gergelim, linhaça, girassol e abóbora em tudo que puder.

Café da manhã saudável

Normalmente comemos iogurte natural (tenho sempre normal e desnatado e alterno os dois) com sementes (uma ou mais das sementes de chia, gergelim, linhaça, girassol e abóbora), coco ralado, um pouco de leite de coco e frutas picadas. Sempre tomo um copo de café com leite desnatado.

Nos fins de semana, fazemos ovos mexidos com bacon, abacate, tomates e torradas de pão integral.

No meio da manhã, enquanto estou no trabalho, levo um lanchinho, que pode ser um pedaço de queijo, uma fruta, uma bolacha integral ou castanhas.

Almoço saudável

O almoço varia bastante, com restos da noite anterior, sanduíches ou refeições compradas. Quando está calor, faço uma salada, um filé de frango ou queijo coalho grelhado e um purê de batata doce e couve flor. Também levo verduras cozidas no vapor com frango ou ovos cozidos. Às vezes como sopa com uma torrada de pão integral. Às vezes preparo um wrap com salada e ovos mexidos ou ainda omelete com salada.

No almoço normalmente como carboidratos, mas tento evitar pães brancos, arroz branco (uso mais o integral) e carboidratos simples de forma geral.

Nos fins de semana fazemos um almoço mais pesado e mais tarde, por exemplo salmão com purê de batata doce, pizza integral, macarrão integral com pesto, etc. Mas em compensação fazemos um lanche ainda mais leve na janta.

O lanche da tarde normalmente é uma fruta: maçã, goiaba, pêra, etc. Uma variação são verduras cruas picadas, como cenoura, pepino, pimentão e tomate cereja.

 

Jantar para finalizar o dia de forma saudável

Sempre mais leve que o almoço, na janta nós comemos sopa caseira, ou verduras em forma de salada ou cozidas e algum tipo de proteína. A nossa janta normalmente inclui poucos carboidratos, com exceção de um pouco de batata doce em uma sopa.

Antes de dormir, se estiver com fome como castanhas e tomo um chá.

Durante a semana, quando bate aquela vontade de comer uma sobremesa, tento enganar a mim mesma. Faça salada de frutas, ou pico morangos e como com leite de coco e um fio de mel, como uma colher de pasta de amendoim sem açúcar…O próprio iogurte natural com uma colher de chá de mel também fica uma delícia.

De volta a esta questão do açúcar, nos fins de semana não tem jeito, são festas de aniversário, almoços fora, é muito difícil escapar e resistir aos doces. Mas tento comer doces uma vez ou no máximo duas por semana (sábado e domingo por exemplo). Quando dá, tento optar por chocolate meio amargo.

Quando dá vontade de beliscar algo o que chamo de uma ‘porcaria’ ou petisco, faço pipoca caseira na panela, o que é bastante saudável.

Alimentacao saudavel

Lista de compras saudáveis

A nossa lista de compras semanais normalmente parece com isso:

Leite, iogurte natural, frutas variadas, mel, sementes variadas, filé de frango, pesto, húmus, bolachas integrais (com alta porcentagem de fibras e baixo teor de açúcar), verduras das mais variadas, batata doce, queijos variados, arroz integral, grão de bico, lentilha, coco ralado, atum, salmão (nem toda semana…), macarrão integral, óleo de coco, pão integral.

É isso aí pessoal! Esta é a versão de uma alimentação saudável que funciona para minha família, tem nos mantido em forma e bastante saudáveis. Claro que cada um deve seguir o que funciona e até o conceito de saudável varia muito, com conceitos mais e menos radicais.

O que importa é manter uma dieta saudável e equilibrada a longo prazo, não adianta fazer dietas malucas e depois voltar a uma dieta não equilibrada. Pelo menos é isso que penso…

Vale lembrar que quando estou fazendo bastante exercícios físicos, acabo aumentando o tamanho das minhas porções.

Tudo de bom, boa sorte na sua busca da alimentação saudável que funcione para você!

Sobre Carla Pontes

Espírito explorador, alegre, criativo, amante da natureza e dos animais; dentista, pesquisadora, trail runner. Busca uma vida saudável em todos os sentidos: no corpo, na alma, na mente, no coração. Namastê!

Dicas para emagrecer com facilidade

PUBLIEDITORIAL

Emagreça facilmente sem sofrimento!

Toda mulher está sempre querendo perder uns quilos, não é mesmo?

Sempre temos uma gordurinha que, se pudéssemos, exterminaríamos só com o olhar… toda vez que nos olhamos no espelho, ali está a intrometida!

E, com a chegada dos filhos, o passar dos anos… todas nós, até mesmo as mais sortudas, que nunca se preocuparam com esse assunto, precisam enfrentar esse desafio de voltar à boa forma.

A nossa rotina é uma loucura! Não dormimos direito, não podemos nos ausentar de casa por muito tempo para frequentar academias, não conseguimos ter uma alimentação saudável… e o tempo vai passando e aqueles quilinhos da gravidez e da vida sedentária vão ficando.

Dicas para perder peso

Quando nos damos conta, abandonamos de vez nosso antigo guarda roupa e ficamos com as roupas da gravidez… Mas toda vez que olhamos para o espelho… Não nos reconhecemos ali! Não gostamos do que vemos… E a nossa autoestima, pouco a pouco, vai embora!

E no meio de tantas atividades, ficamos atoladas num monte de tarefas e afazeres com filhos, casa, trabalho… Sem saber o que fazer. E acabamos tentando dietas malucas, dietas da moda, por nossa conta mesmo… E o resultado? Mais frustração.

Ou então decidimos fugir de tudo e de todos, tiramos férias longas, fazemos uma viagem. Mas aquela gordurinha dos quilos a mais que ganhamos nas férias, que antes sumia após três dias sem jantar, acaba se incorporando à silhueta. Quando nos damos conta, já aumentamos um manequim de roupa, já incorporamos 3- 5- 8-10 kg!!!

Você se reconhece nessas histórias, minha amiga? Pois saiba que você não está sozinha!

Muitas e muitas de mulheres lutam contra os quilos a mais!

E, de tanto receber pedidos de amigas, de mulheres nessa situação, resolvi pesquisar o que tinha de bacana e confiável no mercado. Foi aí que conheci um programa de emagrecimento digital, chamado “Emagreça com o DR. Rocha”.

Descobri que o Dr. Rocha é um médico, expert em emagrecimento, diretor do Instituto Nacional de Estudos da Obesidade e Metabolismo (INEODOC), possui mais de 10 anos de experiência clínica e já ajudou centenas de mulheres pelo Brasil a alcançarem seu corpo desejado!

Esse programa de emagrecimento é vendido no formato de um ebook (livro digital), onde o DR. Rocha nos ensina, passo a passo, como emagrecer de forma rápida, efetiva e segura, sem dietas mirabolantes. O legal é que você pode ler o ebook onde quiser, sem precisar sair casa para colocar em prática o que o programa ensina!

Sua metodologia é 100% baseada em ciência e estudos. Ele mostra muitas ciladas e mentiras que a indústria do emagrecimento nos empurra goela abaixo!

Dicas para perder gorduras

O ebook nos ensina de forma simples e objetiva, o que se deve fazer e o que não se deve fazer nesse processo do emagrecimento! Ele fornece receitas de comidas saudáveis, nos ensina como fazer as compras da semana e como nos alimentarmos melhor para emagrecermos de vez!

A metodologia do “Emagreça com o Dr. Rocha” NÃO É focada em horas e horas de exercícios cansativos e maçantes!

O foco é uma alimentação saudável com um mínimo de exercícios eficientes, que podem ser praticados em casa mesmo, se preferir.

Se quiser saber mais sobre esse programa do Ebook “Emagreça com o Dr. Rocha”, clique aqui e você vai receber gratuitamente 1 + 3 emails, onde conhecerá melhor o DR. Rocha, seu método e ainda 3 dicas certeiras para começar a emagrecer hoje mesmo!

Chá verde ao gosto do Japão

Ninguém pode subestimar o gosto que os japoneses têm pelos chás.Como parte da cultura, a bebida está presente desde os primórdios do Japão.Podemos ver claramente que tomar chá é um hábito muito comum, e algo que não pode faltar à mesa de nenhum japonês.

A bebida, em geral, é uma das mais apreciadas e consumidas por toda a Ásia.Chá verde no Japão

O que aquelas pequenas folhas verdes têm de tão especial?

Além de um sabor suave e agradável, elas escondem um infinidade de propriedades medicinais, trazendo grandes benefícios à saúde.

Há muitos tipos de chá verde, por exemplo, com aromas, sabores e cores diferentes (embora seja verde).

No entanto, todos vêm da mesma planta: Camellia Sinensis.O que muda na verdade é o processo de produção, a região produtora, a forma do plantio e o modo de preparo.

Há pelo menos seis tipos diferentes de chá verde, sendo esses:

Sensha: é o chá verde mais consumido do Japão, e também considerado o mais saboroso dentre os tipos.

Gyokuro: considerado um dos mais finos, possui um sabor suave e adocicado.

Matcha: colhidas numa plantação coberta, suas folhas são expostas ao vapor, desidratadas e moídas em típicas moendas de pedra. Possuem um gosto um tanto amargo.

Bancha: feito com folhas mais grossas e maiores, possui um sabor leve, mas com uma suave tonalidade amarga.

Hojicha: suas folhas são torradas em fogo forte para aromatizar, e processadas.Ficam com uma cor dourada, assim como o próprio chá, que ganha um tom dourado claro.

Guenmaicha: é uma mistura de arroz torrado com Bancha ouSencha. Possui um aroma agradável de arroz torrado juntamente com o sabor do chá verde.

Para os japoneses tomar chá é muito mais do que apreciar um excelente aroma e ser mais saudável, tomar chá significa manter a tradição e conservar a história e elevar o estado de espírito.

A saber, há toda uma cerimônia para consumo, como tomar em um recipiente adequado, uma típica cerâmica japonesa, até a forma correta de como segurar o wan (“tigela) e como tomar.

O chá verde se tornou tão popular e tão unido à rotina do japonês, que hoje em dia é muito mais do que apenas bebida quente, podemos encontrar em formas de balas, doces, bolachas, sorvetes, sucos, refrigerantes e em diversos outros tipos de alimentos.

O chá verde – e toda sua essência – sem dúvida faz parte do Japão. Podemos dizer que o país não seria mesma coisa sem ele.

Lentilhas para uma alimentação saudável

Lentilhas deveriam fazer parte da dieta de todo mundo. Estas leguminosas são baixas em calorias e ricas em nutrientes, perfeitas para se colocar em saladas, patês, sopas etc. Elas são fáceis de se cozinhar e têm um sabor delicioso.

lentilhas

Torne a sua dieta mais saudável com inclusão de lentilha e veja os benefícios para a sua saúde:

1. Colesterol – lentilhas ajudam a reduzir o colesterol no sangue, uma vez que contém altos níveis de fibra solúvel, o que reduz o risco de doenças cardíacas e de acidente vasculares cerebrais, mantendo as artérias em bom funcionamento.

2. Coração – estudos têm mostrado que a ingestão de alimentos ricos em fibras como as lentilhas reduz o risco de doença cardíaca. Lentilhas também são uma ótima fonte de folato e de magnésio, ambos excelentes para o coração. O ácido fólico reduz os níveis de homocisteína, um fator de risco para problemas de coração. O magnésio melhora o fluxo do sangue, de oxigênio e de nutrientes pelo corpo. Baixos níveis de magnésio já foram associados a doenças cardíacas. Coma lentilhas para manter seu coração sadio!

3. Sistema digestivo – as fibras insolúveis encontradas na lentilha ajudam a prevenir prisão de ventre e outros distúrbios digestivos como síndrome do intestino irritável e diverticulose.

4. Açúcar no sangue – as fibra da lentilha retardam a digestão de carboidratos, o que ajuda a estabilizar os níveis de glicose no sangue. Isso pode ser especialmente benéfico para quem tem para quem tem diabetes.

5. Proteína – de todos os legumes e castanhas, as lentilhas contêm o terceiro maior nível de proteína. Cerca de 26% das calorias da lentilha são atribuídos a proteína, tornando-a uma excelente alternativa para vegetarianos.

6. Energia – a lentilha aumenta os níveis de energia por ser composta por fibras e carboidratos complexos. Lentilhas também são uma boa fonte de ferro, responsável pelo transporte de oxigênio pelo corpo, o qual é importantíssomo para o nosso metabolismo e para nossos níveis de energia.
7. Perda de peso – apesar de ter muitas fibras, proteínas, minerais e vitaminas, elas são baixas em calorias e não contêm praticamente nenhuma gordura. Uma xícara de lentilhas cozidas contém apenas 230 calorias, as quais o farão se sentir satisfeito por muito tempo.

Se precisar de idéias para receitas contendo lentilha, sugiro a sopa e a torta de lentilha e batata doce, publicadas anteriormente.

Fonte: www.mindbodygreen.com

As maravilhas do açafrão

Quem nunca ouviu falar das inúmeras propriedades do açafrão, esta maravilha de planta hoje considerada uma `superfood` no mundo todo?

Se você busca um estilo de vida natural e saudável, vale a pena descobrir o que o açafrão pode fazer pela sua saúde.

As propriedade do açafrão

Fonte: http://wholespice.com/blog/wp-content/uploads/2012/03/tumeric_0706.jpg
Fonte: http://wholespice.com/blog/wp-content/uploads/2012/03/tumeric_0706.jpg

Confesso que minha mãe me dava mel com açafrão quando tinha dor de garganta, mas eu nunca tinha dado muita moral para aquele remédio caseiro.

Este tempero tão comum é na verdade um anti-oxidante poderoso, com enorme capacidade anti-inflamatória e cicatrizadora, sendo cosiderado benéfico na prevenção do mal de Alzeimer, no tratamento do câncer (previne mestástases) e de problemas cardíacos.

O açafrão também é um excelente desentoxicante para o fígado e ajuda na limpeza dos rins. Além disso, ele acelera o metablismo e já mostrou excelente efeito como coadjuvante no tratamento de depressão, artrite, psoríase e problemas de pele.

Devido às incríveis propriedades, o açafrão tem sido muito usado na medicina chinesa e na Ayurveda.

Estudos sobre longevidade

 Há bastante pesquisa sobre esta planta, as mais recentes demonstram que os componentes do açafrão (curcumina e seus metabólitos) aumentaram a expectativa de vida de nematelmindos, drosófilas e camundongos de forma significativa.

Incorporando na dieta

Para que se possa usufruir dos efeitos do açafrão, é preciso que se adicione pequenas doses diárias à dieta.

Idéias para uso do açafrão:

– Uma pitada no molho para salada

– Coloque uma pitada ao fazer espinafre ou couve refogados

– Faça frango marinado com açafrão e limão

– Fica excelente no arroz

– Nas batatas assadas

– Coloque um pouco no azeite e passe sobre o milho cozido

– Uma pitada sobre ovos mexidos

– Uma pitada ao fritar cebolas

– Coloque uma pitada ao fazer couve-flor assada

Suco detox 

Este suco dura de 3 a 4 dias na geladeira e recomenda-se tomar 1 copo por dia para detox dos rins e do fígado.

– 1 açafrão médio (o melhor é usar a planta mesmo)

– 5 a 7 tamarindos

– 2 limões

– mel

– água

Tire a casca do açafrão, coloque em uma panela media para ferver por 20 minutos até a água ficar bem amarela. Bata no liquidificador.

Coloque os tamarindos em outra panela om um pouquinho de água, mexa até que eles amoleçam, retire as sementes e deixe esfriar; passe em uma peneira. Coloque a polpa cozida do tamarindo no liquidificador junto com a mistura do açafrão e bata tudo junto.Adicione o mel, leve à geladeira em uma garrafa de vidro e pronto!

Chá de açafrão

Ferva 4 copos de água, coloque uma colher de chá de açafrão em pó e deixe ferver por 10 minutos. Adicione mel e limão. Se o pó incomodar, coe o chá em uma peneira bem fina antes de tomar.

Espero ter informado sobre as propriedades e possíveis usos do açafrão.

Eu continuo tomando mel com açafrão, principalmente se tiver gripe ou dor de garganta. E agora dou também para o meu filho quando ele está pegando uma gripe. Preparo um `xarope` com leite, mel, própolis e açafrão. Posso dizer que já não precisamos tomar nenhum tipo de remédio há mais de um ano! 🙂

FONTE: www.mindbodygreen.com